A Complexidade Entre o Cérebro e Consciência Durante a Intervenção Fonoaudiológica

Publicado em
13/07/2014 por

A inimaginável Complexidade Entre o Cérebro e Consciência Durante a Intervenção Fonoaudiológica em Pacientes Comatosos

Autora: Fga. Elizabeth Luz
CRFa 2725/RJ 


Considera-se como um dos objetivos da Fonoaudiologia Hospitalar a facilitação da alta, modificando-se o conceito de saúde junto à equipe multiprofissional e evitando-se desta maneira as perdas e os danos que causam a Hospitalização. Com a finalidade de diminuir a permanência do paciente no leito e devolvendo-o à sociedade com formas de comunicação mais adequadas possíveis, o fonoaudiólogo necessita de formação e informações adequadas para que supere as necessidades funcionais de seu paciente cumprindo condutas terapêuticas visando o reequilíbrio de estruturas injuriadas. Ressalta-se, neste trabalho a necessidade da compreensão da relação cérebro-consciência na intervenção fonoaudiológica com pacientes comatosos, desde o restabelecimento de suas funções vitais independentes do valor na Escala de Glasgow. A estimulação das atividades neuronais de zonas de penumbra no sistema nervoso através de estímulos táteis, sonoros, visuais, gustativos e olfativos, utilizados como base da reabilitação fonoaudiológica em comatosos, fortalece as conexões sinápticas entre os neurônios colaborando para as funções de memória e ao aumento da amplitude do potencial do campo de ação que a simples manipulação já acelera.A relação entre o sensorial e a memória exerce ação sobre a consciência do indivíduo até mesmo durante os períodos de inconsciência como acontece no caso dos pacientes comatosos, já provado em literatura.Estabelecer a relação entre o eu que muda mas que ainda retém a sua identidade individual pode ser realizada pelo fonoaudiólogo especialmente durante os períodos em que se necessita da relação atual do próprio organismo com a experiência anterior. A apresentação e discussão de caso clínico faz-se necessária para melhor compreensão do que se pretende apresentar.